O Tecer Mundo foi criado para ser pessoal, mas naturalmente se transformou em um espaço com uma função coletiva: mostrar que é possível tomar atitudes mais "verdes" todos os dias. O desafio, copiado de um outro blog, é tentar colocar em prática a cada dia, ações sustentáveis. Coisas que muitas vezes ficam só no pensamento ou no discurso.
É o velho e bom "faça sua parte". Sejam bem vindos!

*criado em junho/2010

6.10.14

102 postagens, mais de dois anos e o que mudou?





Tá certo que esse desafio saiu bastaaaante do programado. Seriam 365 dias de mudanças diárias na minha rotina. Aprendendo a reduzir o impacto deixado por mim por aí.
Mas, já se vão mais de 2 anos e eu ainda estou na 101ª mudança.
Fiquei aqui pensando se eu tinha fracassado no meu objetivo.
Descobri que não.
Ao longo desse tempo, fiz algumas muitas novas escolhas. Mudei hábitos, reconstruí e descobri que as coisas vão mudando organicamente com o tempo. Porque a lógica aqui dentro mudou e tudo novo parece vir naturalmente.
Nesses 2 anos, aprendi a me alimentar: parei de comer carnes de produção industrial, deixei de consumir muitos alimentos industrializados, passei a comprar orgânicos e locais. Comecei a cozinhar mais em casa (e descobri uma paixão!), deixei de consumir cosméticos e remédios alopáticos em excesso. Não uso esmaltes (faço as unhas no salão só quando em ocasiões muitos especiais - quase nunca), com isso não consumo acetonas e todos os outros apetrechos. Parei de fazer química no cabelo e corto ele em casa mesmo (emissão de CO2 reduzida!). Reduzi o consumo de leite e derivados, reduzi o consumo de roupas, acessórios e produtos eletrônicos. Não comprei uma cafeteira elétrica nova. Troquei os filtros de papel e guardanapos pelos de tecido. Reutilizei, diariamente, a água excedente do banho para a descarga. Troquei o papel higiênico com 10 mil camadas pelo reciclado e prensado, o saco de lixo plástico pelo origami de jornal. Deixei de comprar água mineral e passei a levar minha garrafinha, utensílios e muitas vezes meu lanche, pra evitar consumir na rua e gerar lixo.
Vendi meu carro. Adotei um gato (e castrei). Fiz minha horta em casa, reduzi o consumo de energia. Substituí produtos de limpeza por produtos caseiros, shampoo e condicionador por vinagre e bicarbonato de sódio, desodorante por leite de magnésio e óleo essencial. Troquei minha pasta de dentes por uma sem flúor, corantes e outros. Troquei o absorvente íntimo pelos de tecido e pelo copinho. Troquei o sabão em pó e o amaciante pela bolinha.
Trabalhei em casa. Plantei um abacateiro. Apaguei as luzes mais cedo e na Hora do Planeta.
Não comprei utensílios novos para minha casa (ganhei, peguei emprestado ou na maioria das vezes reutilizei alguma coisa que iria pro lixo). Não compro presentes em shoppings ou embalagens descartáveis. Aprendi a detestar descartáveis (sempre detestei, na verdade. rs)...
E vou seguindo, sabendo que aprendi muito nesse caminho e vou continuar nele. Aprendendo, Observando. E agindo.
Começando por mim.
Com gratidão,

Juliana

Um comentário:

Eva disse...

Uau, quanta coisa bacana! Segue em frente deste jeito, aprendendo, observando, tecendo.